fbpx

O que é um implante, e quais suas indicações.

O que e Implante e quais suas indicacoes

Olá, vamos iniciar explicando o que acontece quando perdemos um elemento dentário. Assim que realizamos a exodontia de um dente acontece o processo de cicatrização e reparação óssea. Passando essa fase inicia-se o processo de reabsorção óssea, o organismo assim que identifica que perdemos um dente começa a reabsorver osso neste local, é um processo lento e contínuo, quanto mais passar o tempo pós-exodontia mais osso perdemos. Em decorrência do espaço vazio pela ausência do elemento dentário inicia-se também um processo de desalinhamento dos dentes adjacentes podendo evoluir para um comprometimento estético e função mastigatória do paciente. O ideal é reabilitar o elemento perdido o quanto antes. Hoje em dia a melhor indicação na maioria dos casos para a reabilitação são os Implantes. 

E o que são os implantes? São dispositivos feito em materiais biocompatíveis na grande maioria de Titânio, que fará o papel da raiz do dente perdido e será o suporte para a confecção da prótese. O implante está indicado desde uma perda unitária, uma perda de vários elementos e uma perda de todos os elementos dentários. 

Opções de tratamento com implante: para recuperar um dente, vários dentes e todos os dentes. Podemos reabilitar vários dentes, podendo ser uma prótese dente a dente(dentes individualizados, ou com dois ou mais implantes de suporte para a confecção de uma prótese com dentes unidos dependendo da condição óssea e também da condição financeira do paciente já que existe diferença no valor de um tipo de prótese para a outra. O mesmo vale para perda total dos dentes, existem dois tipos mais indicados de prótese, suas indicações vão variar em relação a qualidade e quantidade óssea que o  paciente apresenta e valores diferentes para cada tipo. 

Por estes motivos é imprescindível uma consulta direcionada a cada paciente com exames pré-operatórios, exames de imagem e exame clínico para o planejamento de cada caso.

  • E quais são os benefícios de tratamento com implantes?

-Preservação dos dentes naturais adjacentes.

-Estética e Função.

-Durabilidade.

O implante é composto de duas fases, a fase cirúrgica, que é a instalação propriamente dita do implante(que fará o papel da raiz) e a fase protética que é a confecção propriamente coroa dentária (em porcelana). Para a Maxila(arco superior) aguarda-se 5 meses entre uma  fase e a outra para se obter a integração óssea do implante. Já na Mandíbula(arco inferior) esse tempo é de 4 meses. 

Existe também o implante que chamamos de carga imediata onde no mesmo tempo é realizado a instalação do  implante e a instalação também da prótese, esse tipo de implante tem indicação precisa em áreas estéticas. Nem sempre conseguimos realizar implantes de carga imediata, devido a qualidade óssea da região e o travamento primário do implante.

  • Passo a passo do implante parte cirúrgica:

-Primeiro passo, solicitamos uma tomografia e exames pré-operatórios para planejar o tratamento, definir o tamanho e diâmetro do implante(respeitando o tempo de cicatrização após exodontia de 2 a 3 meses).  Na tomografia também verificamos ou não a necessidade de enxerto ósseo. Cada caso é único e tem que ser muito bem avaliado e planejado.

-Após o caso planejado e conversado com o paciente, agendamos a cirurgia e passamos a medicação que o paciente fará uso no pré-operatório.

-A cirurgia do implante muitas vezes é mais simples que uma exodontia de terceiros molares(dente do siso). A cirurgia é realizada com anestesia local e a recuperação em geral seguindo todos os cuidados e tomando as medicações corretamente é bem tranquila.

Espero que você tenha gostado deste artigo peço seus comentários e sugestões para próximos artigos.

Um grande abraço e até o próximo artigo!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

Dra Wally Odontologia - Cirurgia Buco-Maxilo-Facial